meningiomaUma possível relação entre meningioma e câncer de mama foi sugerida há 70 anos. No entanto, até o momento, nenhuma evidência conclusiva está disponível sobre este tópico. Agora, revisão sistemática e meta-análise de 51 estudos (2.238 pacientes) publicada no JAMA Network Open demonstrou que mulheres com diagnóstico de meningioma apresentavam risco significativamente maior de câncer de mama em comparação com a população em geral.

Os pesquisadores realizaram uma revisão da literatura sobre a associação de meningioma com câncer de mama, apoiada por uma meta-análise. Uma pesquisa sistemática no PubMed foi realizada até abril de 2023 para identificar artigos sobre a associação de meningioma com câncer de mama utilizando as seguintes palavras-chave: meningioma, câncer de mama, carcinoma de mama, associação, relação.

Foram identificados todos os estudos relatando mulheres diagnosticadas com meningioma e câncer de mama. A estratégia de busca não foi limitada pelo desenho do estudo ou data de publicação, mas incluiu apenas artigos em inglês. Artigos adicionais foram identificados por meio de busca de citações. Estudos relatando uma população completa de meningiomas ou pacientes com câncer de mama durante um período de estudo específico e uma proporção de pacientes com uma segunda patologia puderam ser usados para a meta-análise. 

A extração de dados foi realizada por 2 autores de acordo com a declaração Preferred Reporting Items for Systematic Reviews (PRISMA). Meta-análises sobre ambas as populações foram realizadas usando um modelo de efeitos aleatórios. O risco de viés foi avaliado. Os principais desfechos foram o aumento da prevalência de câncer de mama em mulheres com meningioma, bem como se houve um aumento da prevalência de meningioma em mulheres com câncer de mama.

Resultados

Foram identificados 51 estudos retrospectivos (relatos de casos, séries de casos e relatórios de registros de câncer) que descreveram 2.238 pacientes com ambas as doenças; 18 estudos foram qualificados para análises de prevalência e meta-análise. A meta-análise de efeitos aleatórios (13 estudos) revelou uma prevalência significativamente maior de câncer de mama em pacientes do sexo feminino com meningioma do que na população geral (odds ratio [OR], 9,87; IC 95%, 7,31-13,32). A incidência de meningioma em pacientes com câncer de mama (11 estudos) foi maior do que na população inicial; no entanto, a diferença de acordo com o modelo de efeitos aleatórios não foi estatisticamente significativa (OR, 1,41; IC 95%, 0,99-2,02).

“Esta grande revisão sistemática e a meta-análise sobre a associação entre meningioma e câncer de mama demonstrou que pacientes do sexo feminino com meningioma apresentam chances quase 10 vezes maior de câncer de mama em comparação com a população feminina em geral. Esses achados sugerem que pacientes do sexo feminino com meningioma devem ser rastreadas mais intensamente para câncer de mama. Mais pesquisas são necessárias para identificar os fatores que causam essa associação”, concluíram os autores.

Referência: Degeneffe A, De Maertelaer V, De Witte O, Lefranc F. The Association Between Meningioma and Breast Cancer: A Systematic Review and Meta-analysis. JAMA Netw Open. 2023;6(6):e2318620. doi:10.1001/jamanetworkopen.2023.18620