03082020Seg
AtualizadoQui, 30 Jul 2020 6pm

Conheça o Podcast Onconews no Spotfy

Oncologista brasileiro recebe o Young Investigator Award no ESMO GI 2020

taboada 2O oncologista brasileiro Rodrigo Taboada (foto), do A.C.Camargo Cancer Center, foi um dos dez jovens especialistas escolhidos pela Sociedade Europeia de Oncologia para receber o Young Investigator Award na ESMO GI 2020. O prêmio foi concedido pelo estudo que comparou as características clínico-patológicas e moleculares de carcinomas e tumores neuroendócrinos de alto grau.


Metformina + irinotecano no câncer colorretal refratário

arinilda bragagnoli bxArinilda Campos Bragagnoli (foto), do Hospital de Câncer de Barretos, é primeira autora de estudo que buscou determinar se metformina em combinação com irinotecano aumenta as taxas de controle da doença em pacientes com câncer colorretal avançado. O trabalho foi selecionado para apresentação em pôster no ESMO GI 2020.

ANCHOR CRC: triplet na primeira linha do câncer colorretal metastático BRAFV600E mutado

tiago castria semana baixaAxel Grothey, Diretor de Pesquisa em Tumores Gastrointestinais do West Cancer Center, em Memphis, apresentou no ESMO GI 2020, apresentou os resultados do estágio 1 do estudo ANCHOR, que avalia o triplet com encorafenibe, binimetinibe e cetuximabe como tratamento de primeira linha no câncer colorretal metastático BRAFV600E mutado. Quem comenta é o oncologista Tiago Biacchi (foto), médico do ICESP e do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo.

Novo TKI mostra ganho de sobrevida em pacientes de GIST politratados

cicero martins bxGIST é o sarcoma mais comum do trato gastrointestinal e mutações primárias no KIT ou PDGFRA ocorrem em > 85% dos pacientes e ativam as quinases. Um novo inibidor de tirosina-quinase, ripretinib mostrou resultados de sobrevida em pacientes politratados no estudo de Fase III INVICTUS. Agora, nova análise destacada em sessão oral na ESMO GI 2020 mostra também dados de eficácia e segurança após o crossover. “Ripretinib surge como uma nova opção eficaz para o tratamento do GIST avançado, em um cenário de poucas opções farmacológicas”, avalia o oncologista Cícero Martins (foto), médico do Instituto Nacional do Câncer (INCA) e do Américas Oncologia.

BEACON CRC apresenta dados de segurança e recomendações de cuidados

rivadavio 2020Nova análise do estudo BEACON foi apresentada em sessão oral no ESMO GI, desta vez reportando os eventos adversos mais comuns com encorafenibe (inibidor de BRAF) mais cetuximabe em pacientes com câncer colorretal metastático (mCRC), além das melhores práticas para gerenciar esses eventos com base nas evidências disponíveis. “Além de promover maior controle de doença, o novo regime com drogas-alvo demonstrou uma melhora substancial na qualidade de vida reportada pelos pacientes”, observa o oncologista Rivadávio Antunes de Oliveira (foto), preceptor e coordenador da residência de Oncologia Clínica do Hospital do Câncer de Londrina (HCL).

Novos regimes no carcinoma hepatocelular avançado

carcinoma hepatocelularUma dose única do anti CTLA-4 tremelimumabe combinada ao anti PD-L1 durvalumabe pode melhorar a atividade clínica de pacientes com carcinoma hepatocelular avançado? Resultados apresentados na ESMO GI mostram que sim. “Em todos os braços, a combinação de tremelimumab e durvalumabe ofereceu o melhor perfil benefício-risco”, destacaram os autores.

Tumores neuroendócrinos e variantes patogênicas

Rachel 3 NET OKEmbora a triagem de genes de predisposição ao câncer (GPC) esteja atualmente bem estabelecida para cânceres hereditários comuns, pouco se sabe sobre seu papel nos tumores neuroendócrinos (TNEs), além das síndromes já descritas. Estudo brasileiro apresentado em Sessão Oral na ESMO GI pela oncologista Rachel Riechelmann (foto) buscou definir a frequência de variantes patogênicas e provavelmente patogênicas de GPC em jovens adultos com TNEs.

ESMO GI: NALIRIFOX no câncer de pâncreas

Duilio Rocha 2020 ok 2Zev Wainberg, da Universidade da Califórnia, apresentou os resultados de longo prazo de estudo de Fase I/II indicado como primeiro Late Breaking Abstract da ESMO GI 2020. O estudo avaliou irinotecano lipossomal em combinação com 5- fluorouracil / leucovorina (5-FU / LV) e oxaliplatina (OX) em pacientes com adenocarcinoma ductal pancreático metastático sem tratamento prévio e definiu a dose para o próximo estudo de Fase III. Duílio Rocha Filho (foto), chefe do Serviço de Oncologia Clínica do Hospital Universitário Walter Cantídio (UFC-CE) e membro da diretoria do Grupo Brasileiro de Tumores Gastrointestinais (GTG), analisa os resultados.

Nomograma prognóstico no câncer de pâncreas

pancreas 19 bxPesquisadores japoneses apresentaram na ESMO GI 2020 um nomograma prognóstico para pacientes com câncer de pâncreas irressecável tratados com gemcitabina e nab-paclitaxel (GnP) ou FOLFIRINOX (FFX), com base nos resultados de mundo real do estudo multicêntrico NAPOLEON.


Publicidade
Publicidade
banner libbs2019 300x250
Publicidade
banner_janssen2016_300x250_v2.jpg
Publicidade
banner astellas 2019 300x250
Publicidade
Zodiac
Publicidade
Astrazeneca
Publicidade
300x250 ad onconews200519