Em junho deste ano, um grupo de trabalho envolvendo 25 cientistas de 12 países se reuniu na Agência Internacional para a Pesquisa em Câncer (IARC, da sigla em inglês) em Lyon, França, para finalizar a avaliação sobre a carcinogenicidade do aspartame, metileugenol e isoeugenol. Os resultados foram publicados no Lancet Oncology.

“O aspartame foi classificado como “possivelmente cancerígeno para humanos” (Grupo 2B) com base em evidências “limitadas” de câncer em humanos. Houve também evidências “limitadas” de câncer em animais experimentais e evidências mecanísticas “limitadas”. O metileugenol foi classificado como “provavelmente cancerígeno para humanos” (Grupo 2A) com base em evidências “suficientes” de câncer em animais experimentais e evidências mecanísticas “fortes”, incluindo estudos em camundongos humanizados e apoiados por estudos mecanísticos em humanos expostos. O isoeugenol foi classificado como “possivelmente cancerígeno para humanos” (Grupo 2B) com base em evidências “suficientes” de câncer em animais experimentais”, descreve a publicação.

Tanto para metileugenol quanto para isoeugenol, as evidências sobre câncer em humanos foram consideradas “inadequadas”, considerando a ausência de estudos epidemiológicos disponíveis. A íntegra das avaliações foi publicada no volume 134 das monografias da IARC. O Comitê Conjunto de Especialistas em Aditivos Alimentares da FAO/OMS (JECFA) também publicou relatório de avaliação de risco do aspartame, com resultados que reafirmam a ingestão diária aceitável de 40 mg/kg de peso corporal.

A brasileira Gisela de Aragão Umbuzeiro, da Agência Internacional para a Pesquisa em Câncer, é coautora de artigo.

Referência: Riboli E, Beland FA, Lachenmeier DW, Marques MM, Phillips DH, Schernhammer E, Afghan A, Assunção R, Caderni G, Corton JC, de Aragão Umbuzeiro G, de Jong D, Deschasaux-Tanguy M, Hodge A, Ishihara J, Levy DD, Mandrioli D, McCullough ML, McNaughton SA, Morita T, Nugent AP, Ogawa K, Pandiri AR, Sergi CM, Touvier M, Zhang L, Benbrahim-Tallaa L, Chittiboyina S, Cuomo D, DeBono NL, Debras C, de Conti A, El Ghissassi F, Fontvieille E, Harewood R, Kaldor J, Mattock H, Pasqual E, Rigutto G, Simba H, Suonio E, Viegas S, Wedekind R, Schubauer-Berigan MK, Madia F. Carcinogenicity of aspartame, methyleugenol, and isoeugenol. Lancet Oncol. 2023 Jul 13:S1470-2045(23)00341-8. doi: 10.1016/S1470-2045(23)00341-8. Epub ahead of print. PMID: 37454664.