13052021Qui
AtualizadoQui, 13 Maio 2021 4pm

PUBLICIDADE
Daichii Sankyo

FDA concede Breakthrough Therapy para avelumabe no câncer renal

Renal 2 NET OKA agência norte-americana Food and Drug Administration (FDA) concedeu a designação de Breakthrough Therapy para o anti PD-L1 avelumabe, desenvolvido pela Pfizer em parceria com a Merck, desta vez para pacientes com carcinoma de células renais (CCR) avançado sem tratamento prévio. A designação é uma forma de acelerar o desenvolvimento de medicamentos com potencial terapêutico em patologias graves, quando evidências clínicas preliminares indicam benefício significativo em relação aos tratamentos atualmente disponíveis.

A decisão do FDA foi anunciada dia 21 de dezembro e é baseada nos resultados preliminares do JAVELIN Renal 100, um estudo global de Fase Ib que avaliou a segurança e eficácia de avelumabe em combinação com axitinibe (Inlyta®) em pacientes com CCR avançado sem tratamento prévio. Os resultados atualizados foram apresentados na ASCO 2017 e confirmam o benefício da adição de avelumabe ao tratamento desses pacientes.

O CCR representa cerca de 3% dos tumores em adultos. O Instituto Nacional do Câncer (INCA) não fornece as estimativas específicas para o câncer renal, mas dados do Globocan2 mostram que em 2012 mais de 6 mil brasileiros foram diagnosticados com a doença.

Referências:

1 - First-line avelumab + axitinib therapy in patients (pts) with advanced renal cell carcinoma (aRCC): Results from a phase Ib trial - Toni K. Choueiri et al - DOI: 10.1200/JCO.2017.35.15_suppl.4504 Journal of Clinical Oncology 35, no. 15_suppl (May 2017) 4504-4504.

2 – GLOBOCAN 2012: Estimated cancer incidence, mortality and prevalence worldwide in 2012


Publicidade
MULHERES NA CIÊNCIA
Publicidade
SANOFI
Publicidade
banner astellas 2019 300x250
Publicidade
banner libbs2019 300x250
Publicidade
Zodiac
Publicidade
300x250 ad onconews200519