28112020Sáb
AtualizadoSex, 27 Nov 2020 1pm

PUBLICIDADE
Daichii Sankyo

Outubro Rosa reforça importância da mamografia

bannerrosa_NET_OK.jpgConsagrado no calendário anual como o mês de conscientização e prevenção do câncer de mama, o “Outubro Rosa” chega com diferentes ações, com apoio de centros de assistência, sociedades médicas e organizações de pacientes.

A Sociedade Brasileira de Mastologia (SBM) reforça a importância da mamografia como o método mais eficaz de rastreamento para diagnóstico precoce, com impacto na redução de mortalidade por câncer de mama. A SBM lança a campanha “MAMOGRAFIA – A VIDA COMEÇA AOS 40”, que vai ser o foco do Outubro Rosa em todas as regionais do país. “Vamos repetir exaustivamente essa mensagem sobre a importância da mamografia a partir dos 40 anos. O diagnóstico precoce através da mamografia pode elevar as chances de cura para 95%“, lembra o mastologista Ruffo de Freitas Jr., presidente da SBM.

Em São Paulo, o ambulatório de mastologia do Hospital São Paulo é um dos centros de excelência que já realiza o controle mamográfico a partir dos 40 anos. Com atendimento 100% SUS, a unidade mantém um programa integrado, do diagnóstico precoce ao tratamento, inspirado na experiência do Instituto Gustav Roussy, na França. “A mulher é diagnosticada e tratada em um só local, dentro do conceito de one step clinic que adotamos aqui”, explica a mastologista Simone Elias, coordenadora do Ambulatório de Mastologia da EPM/Unifesp.

Como parte das ações do Outubro Rosa a unidade promoveu um encontro com jornalistas e formadores de opinião para falar da importância da responsabilidade social na cobertura de temas de saúde. “Queremos informar e inspirar essa mulher a fazer sua mamografia. É importante que ela saiba que a mamografia tem impacto na redução da mortalidade por câncer de mama e isso precisa ser feito de forma responsável. A proposta não é causar medo, mas sim conscientizar a população”, reforçou Simone.

O AC Camargo Cancer Center, em São Paulo, também aposta na conscientização durante o Outubro Rosa, com o trabalho da Liga do Rosa, responsável por disseminar ações educativas.

No Brasil, as taxas de mortalidade por câncer de mama continuam elevadas. De acordo com o INCA, são estimados 57 mil novos casos de câncer de mama em 2014.


 

Publicidade
banner pfizer 2018 institucional 300x250px
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
banner libbs2019 300x250
Publicidade
banner_janssen2016_300x250_v2.jpg
Publicidade
banner astellas 2019 300x250
Publicidade
Zodiac
Publicidade
Astrazeneca
Publicidade
IBCC
Publicidade
300x250 ad onconews200519