07122021Ter
AtualizadoSeg, 29 Nov 2021 7pm

PUBLICIDADE
Daichii Sankyo

5ª Edição do Prêmio Octavio Frias de Oliveira

Pesquisa_1_NET_OK.jpgA entrega da 5ª Edição do Prêmio Octavio Frias de Oliveira, promovido pelo Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp), unidade ligada a Secretaria de Estado da Saúde e à Faculdade de Medicina da USP, aconteceu dia 5 de agosto, no auditório da instituição, em São Paulo.

Com o objetivo promover o reconhecimento e a contribuição nacional na prevenção e combate ao câncer, o prêmio foi concedido em três diferentes categorias: Personalidade de Destaque, Pesquisa em Oncologia e Inovação Tecnológica em Oncologia. Os vencedores foram escolhidos por uma comissão julgadora do Icesp e do jornal Folha de S. Paulo e por membros da sociedade comprometidos com o tema. Os vencedores recebem uma premiação em dinheiro, no valor de R$ 16 mil cada, além de um certificado.

“É um orgulho para o Icesp premiar essas importantes contribuições de profissionais que estão constantemente focados na área oncológica, suas pesquisas e avanços”, afirma o diretor geral do Icesp, Paulo Hoff.

Segundo David Uip, Secretário de Estado da Saúde, uma premiação como essa é fundamental para incentivarmos e parabenizarmos esses profissionais comprometidos com o combate à doença e seu controle. “Eles merecem nosso respeito e reconhecimento, que é o foco desse prêmio”, afirmou.

Conheça os premiados

Personalidade de Destaque - Angelita Habr-Gama, uma das mais renomadas cirurgiãs brasileiras e professora titular de cirurgia da Faculdade de Medicina da USP. A cirurgiã teve papel importante na coordenação do programa de prevenção do câncer colorretal, além de ser fundadora da Associação Brasileira de Prevenção do Câncer de Intestino.

Pesquisa em Oncologia – Um grupos de pesquisadores da USP desenvolveu uma estratégia de vacina de HPV destinada a quem já tem lesões ou tumor causados pelo HPV. A vacina disponível hoje tem um caráter preventivo, impedindo a infecção pelo vírus.

Inovação Tecnológica em Oncologia - Pesquisadores do Instituto Butantan comprovaram a ação de anticorpo monoclonal humanizado com potencial no combate de alguns tipos de câncer.








 

Publicidade
NOVARTIS
Publicidade
Publicidade
https://xperienceforumoncologia21.com.br/
Publicidade
MERCK
Publicidade
SANOFI
Publicidade
banner libbs2019 300x250
Publicidade
Zodiac
Publicidade
300x250 ad onconews200519