27092021Seg
AtualizadoSex, 24 Set 2021 3pm

PUBLICIDADE
Daichii Sankyo

Regime simplificado de pré-medicação antes de paclitaxel em pacientes com câncer de mama inicial

romualdo 21 bxRomualdo Barroso (foto), oncologista do Hospital Sírio-Libanês, em Brasília, é primeiro autor de estudo que avaliou a segurança de omitir corticosteroides após o ciclo 2 durante a porção de paclitaxel do regime de dose densa (DD) doxorrubicina-ciclofosfamida (AC)-paclitaxel. Os resultados foram publicados no periódico The Oncologist.

Nos estudos iniciais, as reações de hipersensibilidade (HSRs) ao paclitaxel eram comuns, necessitando de administração de anti-histamínicos e corticosteroides antes de cada dose de paclitaxel.

Neste estudo prospectivo de braço único, pacientes que completaram 4 ciclos de DD-AC para câncer de mama estágio I-III receberam sem neutropenia foram incluídos para receber paclitaxel 175 mg/m2 em regime de dose-densa a cada duas semanas durante 4 ciclos.

Os pacientes receberam um protocolo padrão de pré-medicação contendo dexametasona, difenidramina e um bloqueador de histamina H2 antes dos primeiros dois ciclos de paclitaxel. Caso não houvesse reações de hipersensibilidade nos ciclos anteriores, adexametasona seria omitida nos ciclos 3 e 4. O desfecho analisado foi a a taxa de HSRs de graus 3-4 durante o estudo. 

Resultados

Entre 127 pacientes inscritos, 125 receberam mais de uma dose do protocolo de terapia e foram incluídos na análise. Quatorze (11,2%, 90% CI: 6,9-20,0%) pacientes tiveram HSRs de qualquer grau, para um total de 22 (4,5%, 3,1-6,4%) HSRs em 486 ciclos de paclitaxel. HSRs de qualquer grau ocorreram em 1,6% (0,3-5,0%), 6,5% (3,3-11,3%), 7,4% (3,9-12,5%) e 2,6% (0,7-6,6%) dos pacientes após os ciclos 1, 2, 3 e 4 de paclitaxel, respectivamente.

O uso de dexametasona foi reduzido em 92,8% nos ciclos 3 e 4. Apenas um paciente apresentou HSR de grau 3 nos ciclos 3 ou 4, para uma taxa de HSR de grau 3/4 de 0,4% (0,02-2,0%) (1/237 infusões de paclitaxel). “Esse paciente apresentou HSR de grau 2 durante o ciclo 2, e o evento subsequente de grau 3 ocorreu apesar da pré-medicação usual com dexametasona. Uma análise de sensibilidade restrita a pacientes sem informações conhecidas sobre o uso de dexametasona nos ciclos 3 e 4 demonstrou que HSRs de qualquer grau ocorreram em 2,7% (3/111, 0,7-6,8%) e 0,9% (1/109, 0,05-4,3%) de pacientes nos ciclos 3 e 4, respectivamente”, esclarecem os autores.

“Demonstramos que os corticosteroides podem ser omitidos com segurança em ciclos futuros se não ocorreram reações de hipersensibilidade durante os ciclos 1 e 2 de paclitaxel, e que esta estratégia reduz o uso de corticosteroides nos ciclos 3 e 4 por 92,8% em relação ao padrão de atendimento atual”, concluem.

Referência: Barroso-Sousa, R., Vaz-Luis, I., Di Meglio, A., Hu, J., Li, T., Rees, R., Sinclair, N., Milisits, L., Leone, J.P., Constantine, M., Faggen, M., Briccetti, F., Block, C., Partridge, A., Burstein, H., Waks, A.G., Tayob, N., Trippa, L., Tolaney, S.M., Hassett, M.J., Winer, E.P. and Lin, N.U. (2021), Prospective Study Testing a Simplified Paclitaxel Premedication Regimen in Patients with Early Breast Cancer. The Oncol. Accepted Author Manuscript. https://doi.org/10.1002/onco.13960


Publicidade
https://xperienceforumoncologia21.com.br/
Publicidade
MERCK
Publicidade
SANOFI
Publicidade
banner libbs2019 300x250
Publicidade
Zodiac
Publicidade
300x250 ad onconews200519