04082021Qua
AtualizadoTer, 03 Ago 2021 4pm

PUBLICIDADE
Daichii Sankyo

Impacto da COVID-19 na assistência oncológica, o cenário global

covid 4 bxOs resultados de um survey que envolveu a participação de 356 centros de câncer de 54 países em 6 continentes ajudam a dimensionar os desafios da assistência oncológica durante a pandemia de COVID-19. Os dados completos foram publicados 28 de setembro no JCO Global Oncology.

“Esses centros atendem 716.979 novos pacientes com câncer por ano. A maioria deles (88,2%) relatou enfrentar desafios na prestação de cuidados durante a pandemia. Embora 55,34% tenham reduzido os serviços como parte de uma estratégia preventiva, outros motivos comuns incluíram a sobrecarga do sistema (19,94%), falta de equipamento de proteção individual (19,10%), falta de pessoal (17,98%) e acesso restrito a medicamentos (9,83%)”, descrevem os autores.

O artigo de Jazieh et al. destaca que a perda de pelo menos um ciclo de terapia em > 10% dos pacientes foi relatada em 46,31% dos centros. A interrupção de cuidados oncológicos afetou 36,52% dos participantes, enquanto 39,04% apontaram prejuízos aos pacientes em cuidados não relacionados ao câncer. Alguns centros estimam que até 80% de seus pacientes foram expostos a danos.

Casos de diagnóstico confirmado de COVID-19 entre pacientes foram relatados em 53,93% dos serviços e 44,38% das instituições reportaram casos de COVID-19 também entre os funcionários.

“O impacto prejudicial da pandemia de COVID-19 no tratamento do câncer é generalizado, com magnitude variável entre os centros de todo o mundo”, reporta a publicação.

Referência: Impact of the COVID-19 Pandemic on Cancer Care: A Global Collaborative Study - DOI: 10.1200/GO.20.00351 JCO Global Oncology no. 6 (2020) 1428-1438. Published online September 28, 2020.

Publicidade
MERCK
Publicidade
SANOFI
Publicidade
banner astellas 2019 300x250
Publicidade
banner libbs2019 300x250
Publicidade
Zodiac
Publicidade
300x250 ad onconews200519