12052021Qua
AtualizadoQua, 12 Maio 2021 12pm

PUBLICIDADE
Daichii Sankyo

Imunoterapia: Anvisa autoriza novas indicações

Anvisa Biossimilares NET OKA Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou o uso do anti PD-1 pembrolizumabe no tratamento de primeira linha do câncer urotelial avançado para pacientes inelegíveis à quimioterapia baseada em cisplatina. A decisão da Anvisa é apoiada nos resultados do estudo KEYNOTE-052, de fase II, não randomizado. Outra indicação aprovada pela Anvisa considera o uso de pembrolizumabe no tratamento do câncer gástrico avançado ou metastático ou no câncer de junção gastroesofágica (GEJ) em pacientes com expressão de PD-L1 ≥ 1% e que progrediram a pelo menos duas linhas de tratamento anteriores. A nova indicação é baseada no estudo Keynote-059, também de fase II.

No Brasil, a imunoterapia anti PD-1 da MSD está sendo avaliada para mais de 30 tipos de tumores, em 370 estudos clínicos. Apesar do entusiasmo com o inibidor de checkpoint imune, recente alerta de segurança da FDA recomendou cautela com o uso de pembrolizumabe em pacientes com câncer urotelial, o que sugere que a ciência ainda precisa conhecer mais sobre eficácia e segurança dos modernos inibidores de checkpoint imune.

Leia mais: Imunoterapia: FDA faz alerta de segurança no câncer urotelial

Imunoterapia: alerta de segurança no câncer urotelial

 


Publicidade
MULHERES NA CIÊNCIA
Publicidade
SANOFI
Publicidade
banner astellas 2019 300x250
Publicidade
banner libbs2019 300x250
Publicidade
Zodiac
Publicidade
300x250 ad onconews200519