28112020Sáb
AtualizadoSex, 27 Nov 2020 1pm

PUBLICIDADE
Daichii Sankyo

Intervenção multimodal melhora função sexual e qualidade de vida em sobreviventes de transplante

SexoEmbora a disfunção sexual seja uma complicação comum a longo prazo em sobreviventes de transplante alogênico de células-tronco hematopoéticas (TCTH), faltam intervenções para tratar o problema. Um estudo piloto apresentado no 2017 Palliative and Supportive Care in Oncology Symposium buscou avaliar a viabilidade e a eficácia preliminar de uma intervenção multimodal para melhorar a função sexual nesses pacientes.

Foram rastreados sistematicamente todos os sobreviventes ≥ 3 meses pós-TCTH para disfunção sexual causando distress usando as Diretrizes de Sobreviventes do NCCN. Aqueles que foram positivos para a disfunção participaram de visitas de intervenção mensais com clínicos treinados que se concentraram em avaliar a disfunção sexual; educar e capacitar os pacientes para abordar este tópico; e implementar intervenções terapêuticas.

Para avaliar a função sexual, qualidade de vida e humor no baseline e seis meses após a intervenção foram utilizadas, respectivamente, as ferramentas PROMIS Sexual Function and Satisfaction Measure, Functional Assessment of Cancer Therapy-Bone Marrow Transplant (FACT-BMT), e Hospital Anxiety and Depression Scale (HADS).

Resultados

Entre 151 pacientes, 50 (33,1%) foram selecionados positivo para disfunção sexual causando distress. 94% (47/50) desses pacientes concordaram em participar em participar do estudo.

Os resultados demonstraram uma melhora significativa na satisfação dos pacientes e interesse no sexo, bem como função sexual, incluindo orgasmo, função erétil, lubrificação e desconforto vaginal. Seis dos dez pacientes que não eram sexualmente ativos antes da intervenção se tornaram sexualmente ativos após a intervenção (P = 0,031). Os pacientes relataram melhora em sua qualidade de vida e uma tendência menor para depressão.

Em conclusão, a intervenção multimodal para abordar a disfunção sexual pareceu viável, com eficácia encorajadora para melhorar a função sexual, qualidade de vida e humor em sobreviventes de transplante alogênico de células-tronco hematopoéticas.

Informação do ensaio clínico: NCT02492100

Referência: Abstract 191 - A multimodal intervention to enhance sexual function and quality of life (QOL) in hematopoietic stem cell transplant (HCT) survivors. - Poster Board Number: Poster Session B (Board #A1) - Citation: J Clin Oncol 35, 2017 (suppl 31S; abstract 191) - Areej El-Jawahri et al

 


Publicidade
banner pfizer 2018 institucional 300x250px
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
banner libbs2019 300x250
Publicidade
banner_janssen2016_300x250_v2.jpg
Publicidade
banner astellas 2019 300x250
Publicidade
Zodiac
Publicidade
Astrazeneca
Publicidade
IBCC
Publicidade
300x250 ad onconews200519