15082022Seg
AtualizadoSeg, 15 Ago 2022 6pm

PUBLICIDADE
Daichii Sankyo

Orygen tem apoio da Pfizer em biossimilares

exame_sangue_alzheimer_OK_NET.jpgA fábrica para a produção de anticorpos monoclonais da Orygen, joint venture entre os laboratórios nacionais Biolab e Eurofarma, será na cidade de São Carlos, a 250 km da capital paulista. O investimento na construção da planta de 200 mil metros quadrados é estimado em R$ 500 milhões.

Para a execução do projeto a Orygen fechou uma parceria tecnológica com a Pfizer Inc. cujo acordo de colaboração está em análise pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). Após a aprovação, a Pfizer iniciará o processo de transferência de tecnologia para a produção de até cinco anticorpos monoclonais para a Orygen, os quais incluem os biossimilares Adalimumabe, Bevacizumabe, Infliximabe, Rituximabe e Trastuzumabe, utilizados no combate ao câncer e doenças autoimunes.

Segundo o diretor científico da Orygen, o bioquímico inglês Andrew Simpson, a Pfizer já está em fase avançada do desenvolvimento desses medicamentos. ”A disponibilidade dos anticorpos da Pfizer no Brasil para a distribuição pelo SUS trará um ganho enorme aos pacientes portadores das doenças que estes anticorpos tratam“, disse.

Para a construção da fábrica, a Orygen conta com o apoio do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e da Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP). A estimativa é de que a planta comece a operar em 2017, com os primeiros medicamentos disponíveis em 2018.

Publicidade
Publicidade
KITE PHARMA
Publicidade
NOVARTIS
Publicidade
FARMAUSA
Publicidade
https://xperienceforumoncologia21.com.br/
Publicidade
SANOFI
Publicidade
banner libbs2019 300x250
Publicidade
300x250 ad onconews200519