31072021Sáb
AtualizadoQui, 29 Jul 2021 4pm

PUBLICIDADE
Daichii Sankyo

Exame de proficiência em oncologia clínica

ensinoA Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica (SBOC) abriu as inscrições para o primeiro exame de proficiência em Oncologia Clínica. Os interessados devem preencher um formulário no site da Fundação Vunesp, pagar a taxa de inscrição e enviar a documentação pelos Correios, com data de postagem até 19 de junho.

 

O primeiro Exame de Proficiência se destina aos médicos com formação e experiência comprovadas em oncologia clínica, mas que não possuem o Título de Especialista em Cancerologia. A forma de avaliação foi adotada em caráter excepcional, tendo em vista que a oncologia clínica foi reconhecida como especialidade médica pela Comissão Mista de Especialidades em julho de 2017.

Para se inscrever, o candidato precisa possuir registro regular como médico no Conselho Regional de Medicina da Unidade Federativa onde atua. Além disso, é obrigatório ter concluído o programa de residência médica em Cancerologia/Oncologia Clínica credenciado pela Comissão Nacional de Residência Médica, órgão do Ministério da Educação (CNRM/MEC) e/ou ter, no mínimo, seis anos de experiência como oncologista clínico em hospital ou clínica.

Os testes incluem análise curricular e de documentação comprobatória sobre formação, atuação e experiência do candidato. Os aprovados serão os primeiros profissionais de todo o Brasil a ter Título de Especialista em Oncologia Clínica.

Médicos que já possuem o Título de Especialista em Cancerologia (TECA) não precisam se inscrever para o exame de proficiência para obtenção do Título de Especialista em Oncologia Clínica (TEOC), tendo o direito de solicitar uma segunda via do título com a nova nomenclatura da especialidade. Para isso, basta encaminhar um e-mail para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. com nome completo e número do CRM, o que pode ser feito a qualquer tempo, independentemente do exame de proficiência.

O nome dos solicitantes será encaminhado à Associação Médica Brasileira (AMB), que expedirá a segunda via. Para obter o novo Título, é necessário contribuir com a taxa vigente da AMB no valor de R$ 550.

Para mais informações, clique aqui

Publicidade
NEXT FRONTIERS 2021
Publicidade
MERCK
Publicidade
SANOFI
Publicidade
banner astellas 2019 300x250
Publicidade
banner libbs2019 300x250
Publicidade
Zodiac
Publicidade
300x250 ad onconews200519