22012020Qua
AtualizadoQua, 22 Jan 2020 12am

PUBLICIDADE
topbanner novartis2019 468x60

Coberturas Especiais

Biópsia líquida em tumores gastrointestinais

Biopsia Liquida NET OKEstudo apresentado no ASCO GI 2020 mostra resultados encorajadores de um exame de sangue que utiliza o DNA circulante (cfDNA, do inglês cell-free DNA) para identificar sinais de metilação de tumores gastrointestinais difíceis de detectar. "Atualmente, muitos dos tipos de câncer que este teste detecta não possuem exames de rastreamento que permitem a detecção precoce do tumor”, afirma Brian Wolpin, diretor do Hale Family Center for Pancreatic Cancer Research no Dana-Farber Cancer Institute, em Boston, e primeiro autor do trabalho.


ASCO GI: qualidade de vida de pacientes com câncer colorretal e hepático

QUALIDADE VIDA NET OKOs resultados relatados por pacientes de dois estudos mostraram que a qualidade de vida é mantida por mais tempo com combinações de medicamentos mais recentes em comparação com o padrão de tratamento em pacientes com câncer colorretal BRAF V600E mutado e carcinoma hepatocelular irressecável. Os trabalhos estão entre os destaques do Simpósio ASCO GI 2020, que acontece entre os dias 23 e 25 de janeiro em San Francisco, Califórnia.

ASCO GI mostra perfil sociodemográfico do câncer colorretal em adultos jovens

colorretal 2018 NET OKAnálise retrospectiva com 26.768 adultos jovens com idade ≤ 40 anos e câncer colorretal mostra que aqueles que vivem em áreas de baixa renda (menos de US $ 38.000) e menor escolaridade (conclusão do ensino médio abaixo de 79%) têm risco de morte 24% maior. O estudo é um dos destaques do Simpósio de Câncer Gastrointestinal (ASCO GI 2020), que acontece de 23 a 25 de janeiro em San Francisco, Califórnia.

SABCS 2019: cirurgia no câncer de mama

César Cabello e Afonso Nazário Sabcs 2019Em video gravado no San Antonio Breast Cancer Symposium 2019, os mastologistas Afonso Celso Nazário, da EPM-Unifesp, e César Cabello, da Unicamp, analisam os principais estudos em cirurgia apresentados no encontro. Afinal, o que há de novo no tratamento cirúrgico do câncer de mama? Confira. 

Genômica e biologia molecular no SABCS 2019

José Casalli e Dirce Carrara Sabcs 2019José Cláudio Casali, oncogeneticista do Hospital Erasto Gaertner, e a biologista molecular Dirce Carraro, do A.C.Camargo Cancer Center, discutem alguns dos destaques de genômica e biologia molecular do SABCS. “A genética hoje está assumindo um papel muito importante na avaliação de risco e até mesmo em questões terapêuticas”, observam. Assista. 

As lições do SABCS 2019

Azambuja, Daniela e Buzaid Sabcs 2019Os oncologistas Daniela Rosa, Antonio Carlos Buzaid e Evandro Azambuja discutem o que ficou de take home message do San Antonio Breast Cancer Symposium 2019, considerando os cenários de tratamento adjuvante, neoadjuvante e metastático. Assista, na TV Onconews. 

Trastuzumabe biossimilar com pertuzumabe na doença HER2+

franklin poster3 sabacs2019Franklin Pimentel (foto), da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (USP), é autor de estudo selecionado para apresentação no SABCS 2019 que comparou a ligação e as atividades biológicas do trastuzumabe biossimilar e do medicamento de referência em associação com o pertuzumabe. Os resultados demonstraram que o biossimilar em combinação com o pertuzumabe é altamente similar à combinação com o medicamento originador.

Terapia hormonal e impacto na incidência do câncer de mama

rowan chlebowski bxOs resultados de longo prazo de dois grandes estudos randomizados da Women's Health Initiative (WHI) mostraram que o uso de estrogênio isolado como terapia hormonal na menopausa diminuiu a incidência do câncer de mama e morte pela doença, com resultados persistentes após a descontinuação. Agora, dados apresentados no SABCS 2019 por Rowan Chlebowski (foto), chefe da Divisão de Oncologia e Hematologia do Harbor-UCLA Medical Center e pesquisador do Instituto Lundquist, indicam que a combinação de estrógeno e progestágeno aumentou a incidência de câncer de mama, com resultados que também se mantiveram mesmo após a interrupção do uso.

ctDNA pode prever risco de recorrência do câncer de mama

Schneider Bryan bxO DNA tumoral circulante pode ajudar a prever o risco de recorrência do câncer de mama triplo-negativo em mulheres com doença inicial submetidas à cirurgia após quimioterapia neoadjuvante. É o que mostram resultados de estudo apresentado no San Antonio Breast Cancer Symposium 2019. Os dados foram apresentados por Bryan P. Schneider (foto), professor de Medicina e Genética Molecular da Faculdade de Medicina da Universidade de Indiana, autor sênior do estudo.

AMAZONA III descreve a prevalência do câncer de mama hereditário

Alessandra bxA mastologista Alessandra Borba Anton de Souza (foto), médica da PUCRS e membro do Grupo Brasileiro de Estudos em Câncer de Mama (GBECAM), é primeira autora de estudo selecionado para apresentação em poster no San Antonio Breast Cancer Symposium 2019, em análise que descreve a prevalência de pacientes do estudo AMAZONA III com indicação para testes genéticos para a síndrome do câncer de mama e ovário hereditário (HBOC).


Publicidade
banner libbs2019 300x250
Publicidade
banner_janssen2016_300x250_v2.jpg
Publicidade
banner teva inst 300x250
Publicidade
banner astellas 2019 300x250
Publicidade
banner personal2019 250x300p
Publicidade
banner ibcc2019 300x250
Publicidade
300x250 ad onconews200519
Publicidade
banner onconews spotify 300x150px