07032021Dom
AtualizadoSex, 05 Mar 2021 5pm

PUBLICIDADE
Daichii Sankyo

ASCO GI 2021

Paclitaxel intraperitoneal e XELOX no câncer gástrico com metástases peritoneais

cancer gastrico NET OKEstudo prospectivo de Fase II selecionado para o ASCO GI 2021 buscou avaliar a eficácia da associação de paclitaxel intraperitoneal com capecitabina e oxaliplatina (XELOX) no tratamento do câncer gástrico e metástases peritoneais. O trabalho foi apresentado por Daryl Chia, médico da Divisão de Cirurgia Oncológica do National University Cancer Institute, Singapura, na sessão Rapid Abstract Session: Câncer Esofágico e Gástrico.

A adição de paclitaxel (PTX) intraperitoneal (IP) à quimioterapia sistêmica com doublet de taxano/fluoropirimidina mostrou resultados promissores para pacientes com câncer gástrico e metástases peritoneais. No entanto, isso não foi estudado em combinação com o doublet de platina/fluoropirimidina, padrão atual de tratamento para câncer gástrico metastático.

O ensaio envolveu 44 pacientes com câncer gástrico com metástases peritoneais que receberam tratamento compreendendo paclitaxel intraperitoneal (40mg/m2 no dia 1,8), PO capecitabina (1000mg/m2 duas vezes ao dia do dia 1-14) e oxaliplatina IV (100mg/m2 no dia 1) em ciclos de 21 dias. Os pacientes com com câncer gástrico com metástases peritoneais síncrono eram elegíveis para cirurgia de conversão compreendendo gastrectomia radical se tivessem boa resposta após a quimioterapia, citologia negativa em 2 avaliações de fluido peritoneal consecutivas, sem metástase extraperitoneal e sem doença peritoneal durante a cirurgia.

O endpoint primário foi a sobrevida global e os endpoints secundários foram a sobrevida livre de progressão e segurança. Os resultados do estudo também foram comparados com uma coorte retrospectiva de 39 pacientes com com câncer gástrico com metástases peritoneais que receberam quimioterapia sistêmica idêntica compreendendo agentes de platina/fluoropirimidina isoladamente. 

Resultados

A mediana de sobrevida global para os grupos de quimioterapia intraperitoneal e sistêmica foi de 14,6 e 10,6 meses (HR 0,44; 95% CI, 0,26-0,74; P = 0,002). A sobrevida global em 1 ano foi de 67,8% no grupo IP e 32,3% no grupo de quimioterapia sistêmica (Logrank p <0,001). A mediana de sobrevida livre de progressão para o grupo IP e sistêmica foi de 9,5 e 4,4 meses, respectivamente (HR 0,39; 95% CI, 0,25-0,66; P <0,001). Os pacientes no grupo de quimioterapia sistêmica eram mais jovens (IP vs. SC, 61 vs. 56 anos, p = 0,021) e tinham melhor desempenho de base (ECOG 0, IP vs. SC, 47,7% vs. 76,9%, p = 0,007) em comparação com a coorte IP.

No grupo IP, a cirurgia de conversão foi realizada em 36,1% (13/36) dos pacientes, com mediana de sobrevida global de 24,2 (95% CI 13,1 - 35,3) meses e sobrevida global em 1 ano de 84,6%. Complicações relacionadas à ferida ocorreram em 9% (4/44) dos pacientes.

“Paclitaxel intraperitoneal com XELOX é uma opção de tratamento promissora para pacientes com câncer gástrico e metástases peritoneais. Para pacientes com boa resposta, a cirurgia de conversão foi viável com resultados favoráveis”, concluíram os autores.

O estudo foi financiado pelo National Medical Research Council Translational and Clinical Flagship Programme, Singapore (NMRC/TCR/009-NUHS/2013).

Median overall survival (OS) between groups.

Group (n)

Median OS, months

(95% CI)

1-year OS

(%)

HR

(95% CI) *

P-value

 

IP group

(n=44)

14.6 (12.6 – 16.6)

67.8%

0.44 (0.26 – 0.74)

0.002

 

IP group with conversion surgery (n=13)

24.2 (13.1 – 35.3)

84.6%

0.20 (0.08 – 0.45)

0.000

 

IP group without conversion surgery (n=23)

12.5 (9.4 – 15.6)

55.7%

0.76 (0.43 – 1.33)

0.366

 

Systemic chemotherapy group

(n=39)

10.6 (2.4 – 18.8)

32.3%

-

-

 

* Cox proportion hazard with reference to systemic chemotherapy group

 

Referência: Abstract #: 165 Rapid Abstract Session: Esophageal and Gastric Cancer - Outcomes of a phase II study of intraperitoneal paclitaxel plus systemic capecitabine and oxaliplatin (XELOX) for gastric cancer with peritoneal metastases.

First Author: Daryl Chia, Division of Surgical Oncology, National University Cancer Institute, Singapore

 

 
Publicidade
SANOFI
Publicidade
banner astellas 2019 300x250
Publicidade
banner libbs2019 300x250
Publicidade
banner_janssen2016_300x250_v2.jpg
Publicidade
IBCC
Publicidade
300x250 ad onconews200519