27112021Sáb
AtualizadoSex, 26 Nov 2021 9pm

PUBLICIDADE
Daichii Sankyo

Radioterapia mostra benefícios no câncer de endométrio de alto risco

NotasAntigas_Sergio_Nota4_Ov__rio.jpgA radioterapia associada à quimioterapia com paclitaxel após a cirurgia é um tratamento eficaz para pacientes com câncer de endométrio de alto risco, de acordo com as conclusões de um estudo publicado na edição de 1º de setembro do Red Journal, a revista científica da American Society for Radiation Oncology (ASTRO).

O câncer de endométrio é o tumor ginecológico mais comum nos Estados Unidos. Pacientes com doença inicial são normalmente tratados apenas com cirurgia. No entanto, pacientes com câncer de endométrio avançado, com recorrência local ou à distância, requerem o tratamento concomitante de radioterapia e quimioterapia após a cirurgia. É o que mostra o estudo de fase II do grupo coreano que avalia a eficácia e a toxicidade de irradiação concomitante com paclitaxel semanal em pacientes com estadio III e IV de câncer endometrial.

De janeiro de 2006 a março de 2008, 57 pacientes de 20 instituições da Coreia foram incluídos no estudo. Os pacientes elegíveis tinham entre 20 e 80 anos, com diagnóstico histológico de adenocarcinoma de endométrio estadio III ou IV (FIGO) sem tratamento prévio de quimioterapia ou radioterapia. Dos 57 pacientes incluídos neste estudo, 12 pacientes (21,1%) tinham doença em estadio IIIA; 40 (70,1%) com doença estadio IIIC e cinco (8,8%) tiveram doença em estadio IV. Quatorze pacientes (24,6%) tinham tumores de grau 1; 27 (47,3%) tinham tumores de grau 2 e 16 (28,1%) tumores de grau 3. A idade média dos pacientes do estudo foi de 52,2 anos de idade.

Todos os pacientes elegíveis tinham uma laparotomia para histerectomia total, incluindo salpingo-ooforectomia bilateral (remoção de ambos os ovários e as trompas de Falópio), linfadenectomia pélvica e para-aórtica. Os pacientes do estudo receberam uma dose total de 45,0 Gy a 50,4 Gy de radiação externa (1,8 Gy a 2,0 Gy diariamente, cinco vezes por semana) e 60 mg/m 2 de paclitaxel em administração intravenosa, em uma dose semanal, durante seis semanas. O tratamento de radioterapia e quimioterapia foi iniciado no prazo de seis semanas após a cirurgia.

A quimioterapia foi suspensa devido a efeitos adversos tóxicos severos em dois pacientes. A análise final considerou 52 pacientes, que foram acompanhados por cinco anos após a cirurgia. Exames de radiografia de tórax, tomografia computadorizada abdominal-pélvica ou ressonância magnética a cada seis meses foram realizados durante os dois primeiros anos do pós-operatório e depois anualmente durante três anos. Os pacientes também foram avaliados por exames pélvicos e pela monitorização dos níveis séricos de CA125 no sangue a cada três meses durante os primeiros dois anos após a cirurgia e depois a cada seis meses durante três anos.

Houve recidiva da doença em 19 (36,5%) dos 52 pacientes na análise final. Dezoito pacientes (34,6%) apresentaram recidiva extrapélvica (pulmão, fígado, osso, para-aórtica, linfonodo ou outros locais). Um paciente (1,9%) apresentou recidiva intrapélvica na cúpula vaginal. O tempo médio para a detecção de recorrência foi de 12 meses (variação de 3 a 24 meses).

Até o final do período de acompanhamento de cinco anos, nove pacientes (17,3 %) tinham morrido de câncer endometrial. A taxa de sobrevida livre de progressão em cinco anos foi de 63,5 %, e a taxa de sobrevida global foi de 82,7%."Há uma falta de evidência clara sobre o melhor plano de tratamento adjuvante para pacientes com câncer de endométrio avançado. Há evidências crescentes de que a quimioterapia deve ser administrada para pacientes com doença avançada, além da radioterapia", disse Jae-Hoon Kim, co-autor do estudo, chefe do departamento de obstetrícia e ginecologia no Gangnam Severance Hospital em Seul, na Coreia do Sul, e professor do Departamento de Obstetrícia e Ginecologia da Yonsei University College of Medicine, também em Seul. "Este estudo mostra que a radioterapia e a quimioterapia concomitante com paclitaxel semanal é uma opção de tratamento razoável para pacientes com câncer de endométrio avançado, que pode reduzir a recorrência da doença. Estes resultados positivos devem ser objeto de um estudo prospectivo maior, randomizado, controlado, para validar esta abordagem de tratamento ", concluiu.

Referências: A Phase 2 Trial of Radiation Therapy With Concurrent Paclitaxel Chemotherapy After Surgery in Patients With High-Risk Endometrial Cancer

 
Publicidade
https://xperienceforumoncologia21.com.br/
Publicidade
MERCK
Publicidade
SANOFI
Publicidade
banner libbs2019 300x250
Publicidade
Zodiac
Publicidade
300x250 ad onconews200519