21082017Seg
AtualizadoSeg, 21 Ago 2017 12am

banner_freud_adv_468x60.jpg

Interações entre medicamentos e medicamentos e plantas medicinais em pacientes com câncer

interacoes medicamentos e ervas NET OKPacientes com câncer frequentemente usam suplementos de ervas e medicamentos concomitantemente com agentes antineoplásicos. Um estudo prospectivo publicado no Journal of Oncology Practice buscou determinar potenciais interações medicamentosas (DDIs) e interações entre medicamentos oncológicos e suplementos de ervas (IDHs), e mostrou que as interações foram frequentes no subgrupo de pacientes pesquisados.

 

Os pacientes que iniciaram uma nova terapia anticancerígena foram convidados a completar um questionário para identificar o uso concomitante de qualquer medicamento de venda livre ou suplemento de ervas. Potenciais DDIs e IDHs foram identificados usando dois bancos de dados diferentes.

Caso o farmacêutico clínico reconhecesse um potencial DDI clinicamente relevante, uma notificação era enviada ao oncologista prescritor para decidir se realizaria a intervenção sugerida. Foram realizadas análises de regressão para identificar variáveis associadas a DDIs clinicamente relevantes.

Resultados

Um total de 149 pacientes foram incluídos no estudo, com 36 potenciais DDIs clinicamente relevantes identificadas em 26 pacientes (17,4%, 95% IC, 11,3% a 23,5%), todas levando a modificações terapêuticas. No total, quatro pacientes (2,7%; 95% IC, 0,1% a 5,3%) tinham experimentado consequências clínicas das DDIs no momento da notificação do farmacêutico.

Além disso, 84 pacientes (56,4%, 95% CI, 48,4% a 64,4%) relataram o uso concomitante de suplementos de ervas, e 122 possíveis HDIs foram detectados. O uso concomitante de dois ou mais medicamentos foi independentemente associado com alto risco de DDI clinicamente significativo (odds ratio, 2,53; 95% IC, 1,08 a 5,91; P = 0,03).

Os pesquisadores concluíram que as interações medicamentos clinicamente relevantes e possíveis interações entre medicamentos e suplementos de ervas foram detectadas com frequência neste estudo prospectivo, o que reforça a necessidade de uma abordagem multidisciplinar para identificar e evitar combinações potencialmente prejudiciais com a terapia anticancerígena.

Leia mais: Interações entre medicamentos e plantas medicinais

Referência: Potential Drug-Drug and Herb-Drug Interactions in Patients With Cancer: A Prospective Study of Medication Surveillance - Allan Ramos-Esquivel, Álvaro Víquez-Jaikel, and Cristina Fernández - https://doi.org/10.1200/JOP.2017.020859

 


Publicidade
AD_Pfizer_2017_ 300x250px.jpg
Publicidade
banner_janssen2016_300x250_v2.jpg
Publicidade
AD_sanofi_300x250.JPG
Publicidade
banner logo astellas 300x250
Publicidade
banner_assine_300x250.jpg